quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Fabrício Carpinejar

CIÚME E CIÚMES

Ciúme mata. Ciúme ressuscita línguas mornas.
Quem não mentiu por ciúme?
Quem não falou a verdade por ciúme?
Ciúme pode aumentar o amor.
Ciúme pode arrebentar o amor.
Foi pelo ciúme que descobri que amava. Foi pelo ciúme que descobri que odiava.
O ciúme tranqüiliza. O ciúme atormenta.
Por ciúme, cometi a mais imprudente declaração. Por ciúme, cometi o pior dos vexames.
O ciúme é o agente infiltrado. Dois patrões (a virtude e o defeito), dois empregos (a paixão e o desespero), dois salários (o início e o fim).
É um cargo-fantasma. Recebe por fora. Trafica informações para a paranóia e neurose. Mantém a loucura atenta. Exerce contrabando nas calçadas de casa, soltando quinquilharias nos tapetes do corredor. Vende artigos pirateados e fornece notas fiscais falsas.
Ciúme é doentio. Mas sem ciúme não seremos normais. Longe dele, somos insensíveis. Com ele, sensíveis em excesso.
sofri de ciúme e ciúmes.

Ciúme no singular é o inteligente, o velado, o contido, ajuda a sedução. Alegria de ser reparado. Quando a namorada demonstra preocupação pela primeira vez. Ciúme para cumprimentar e desaparecer. Não permanece incomodando e tomando conta da conversa, dos programas, dos horários.
Ao insistir e cobrar explicações, deparamos com o ciúme burro, ciúmes, o que não se pia de vergonha, o descarado, o preconceituoso, que destrói a empatia.
Ciúme inteligente é próprio da fagulha, mal e mal forma uma pontada. Não chega a abrir escritório. É pessoa física. Quase um charme se não fosse uma necessidade de prestar atenção.
A mulher fareja o comportamento estranho do namorado, disposto em reuniões e desculpas despropositadas. Evita o questionário mais severo, e vai aparecendo nos lugares em que ele menos espera. O ciúme inteligente provoca o terror em quem está provocando o ciúme.
(Um homem traindo ressuscita amigos antigos porque lhe faltam álibis. De repente, encontra colegas do Ensino Fundamental, do Médio, da faculdade, do futebol, para explicar atrasos. Sua vida só será igualmente numerosa no enterro).
Se ele anda aprontando, ela não menciona nada. Não prepara chantagem e escândalo, não valoriza a fuga. Inibe as tramas ilícitas ao surgir de surpresa e mostrar confiança. Ele não terá provas de que ela desconfia.
Ciúme inteligente esconde o nervosismo. A tendência é perder a paciência e descambar para a briga sobre o-que-está-acontecendo-conosco.

3 comentários:

Douglas Hallysmann disse...

E ae Rinnaldo, gostei do texto^^

um abraço ae, flw!

Douglas da Silva disse...

eaw canarada!!!!
os textos estão legais.
fica com Deus e um abroço.

Amanda disse...

amei os textos...
muito lindo mesmo!!!
ah,o amor me move também!hehehehe

um abraço t+